Notícias

Prefeitura alerta novamente sobre boletos falsos do IPTU

Secretaria Municipal da Fazenda voltou a receber denúncia de falsificação, semelhante ao conteúdo divulgado no final de 2016

De Secretaria Especial de Comunicação

Nesta semana, a Secretaria Municipal da Fazenda voltou a receber denúncia de um boleto falso de IPTU que chegou na casa de um contribuinte, com as mesmas características das falsificações enviadas no final do ano passado. Como nos meses de janeiro e fevereiro são enviadas às casas dos paulistanos as cobranças referentes ao IPTU 2017, faz-se necessário redobrar a atenção para evitar o pagamento de boletos falsos.

Leia também: Prefeitura de SP esclarece dúvidas sobre IPTU 2017

“Embora a Prefeitura de São Paulo já tenha tomado diversas medidas para coibir tais práticas, é importante contar com a colaboração de todos para verificar de maneira cuidadosa o teor das notificações antes de se realizar o pagamento”, ressalta Pedro Ivo Gandra, subsecretário da Receita Municipal.

Por isso, a Secretaria Municipal da Fazenda volta a orientar que os contribuintes analisem com precaução os boletos que receberem em casa. Por terem aparência similar aos boletos emitidos pela secretaria, é importante que os contribuintes adotem algumas precauções antes do pagamento, como: 

  • Comparar os dados do imóvel com os dos boletos recebidos em anos anteriores, para verificar se as informações e os valores estão condizentes.
  • Confirmar qual o valor exato a ser pago, que pode ser acessado clicando aqui e depois na opção "Consulta IPTU 2017 (Emissão Geral).
  • Verificar se no boleto consta a denominação “Reajuste do IPTU”. Se constar, trata-se de falsificação e o pagamento não deve ser realizado.


Outro detalhe importante que pode ser observado é que os boletos de IPTU emitidos pela Prefeitura nunca têm os dizeres "Ficha de Compensação" na região de Autenticação Mecânica. Eles também nunca indicam o número do banco no início da linha de digitação do código de barras e os números de Agência/Conta do cedente. Qualquer boleto com essas características é falso e não deve ser pago.

Além disso, é importante não buscar por “2ª via IPTU” em sites de pesquisas, como o Google, para que o cidadão não seja induzido a acessar sites falsos. Todas as informações sobre IPTU devem ser buscadas apenas no site oficial da Secretaria da Fazenda.

"Outra boa opção para evitar as fraudes é a utilização do débito automático do seu banco. Nesse caso, a Prefeitura enviará a cobrança diretamente para o banco, eliminando também os riscos de incidência de multa por atraso de pagamento", lembra o subsecretário.

Caso haja dúvidas sobre a veracidade dos boletos, é importante enviar um e-mail para ni@prefeitura.sp.gov.br ou solicitar a segunda via somente nas Prefeituras Regionais ou por meio do endereço eletrônico oficial: www.prefeitura.sp.gov.br/iptu.

São Paulo na TV

22º SP Cidade Linda

Ver agenda completa